Gratuidade do BRT Sul deu prejuízo de mais de R$ 3,47 milhões ao GDF, aponta MP de Contas

Inspeção apontou que valores, referentes a viagens de 2014, foram pagos a maior, o que demanda devolução do débito apurado em faturas a serem apresentadas pela empresa de transporte público